O Papa Francisco tem denunciado o estado de grande parte da economia mundial, estendendo um convite para a criação de um novo modelo econômico-financeiro, uma nova forma de economia solidária. A idéia de enfrentar desafios mundiais, partindo do pensamento e da ação econômica da juventude, foi cunhada com entusiasmo pelo Papa e resultou em reflexões teóricas sobre uma nova forma de agir e pensar, principalmente em inclusão aos povos mais vulneráveis.


Por isso, agora nós te convidamos para fazer parte desta plataforma de organização, mobilização e engajamento de organizações católicas, entre os(as) católicos(as) brasileiros(as), a sociedade civil, acadêmicos e outros movimentos, que repensem nossas relações com a casa comum a partir de práticas e reflexões dessas comunidades e iniciativas.